O (ex) bilionário que doou 97,5% da sua fortuna

Charles Francis “Chuck” Feeney, ou apenas Chuck Feeney, é um irlandês-americano e um empresário de muito sucesso, sendo um dos fundadores da Duty Free Shoppers Group, uma gigante no ramo de Duty Free. Chuck, que havia servido como um operador de rádio durante a guerra da Coréia, começou a carreira no ramo de Duty Free vendendo bebidas para marinheiros americanos em portos do Mediterrâneo, na década de 1950. Com sua empresa, Chuck Feeney entrou para o seleto grupo dos bilionários no mundo, chegando a uma fortuna de mais de 8 bilhões de dólares.

O que o diferencia de outros tantos empresários de sucesso, porém, é a filantropia. Embora sempre procurando investimentos que dessem o maior lucro possível e com um perfil empreendedor aguçado, Feeney nunca se empolgou com a riqueza que seus negócios de sucesso rendiam. Por isso, no começo dos anos 80, criou a The Atlantic Philantropies, fundação privada responsável por repassar as doações milionárias feitas por Feeney a instituições de caridade, universidades e outras causas nobres.

Logo no momento de sua criação, o empresário já transferiu todos os 37,5% de participação que detinha na Duty Free Shoppers Group (na época estimada em 500 milhões de dólares), anonimamente.

O anonimato era de extrema importância para Chuck: nunca pediu por prédios, estátuas ou monumentos em seu nome, tampouco envolveu a mídia em todas as doações que fazia. Gostava de se manter anônimo pois, dessa forma, podia escolher as causas que realmente lhe eram importantes e no momento em que entendesse ser necessário, sem pressão externa.

Chuck Feeney dizia que “tinha uma ideia que nunca mudara: de que você deve usar sua riqueza para ajudar as pessoas”, e foi descrito por Warren Buffet como um herói de todos nós. Continuou suas doações ao longo dos anos, a última foi para a universidade Cornell em 2016.

Hoje ele vive uma vida sem luxo. Não possui carro, viaja na classe econômica e mora de aluguel com sua esposa em um apartamento em San Francisco. Reduziu sua fortuna para “apenas” 2 milhões de dólares, o que apesar de ainda ser bastante, representa apenas 2,5% da riqueza que já possuíra.

Fonte: https://www.medalofphilanthropy.org/chuck-feeney-everybodys-hero/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *